Malawiano leva um saco de Cannabis que ele comprou para a polícia para reclamar “não era de boa qualidade”

Um homem Malauíno que morava na Irlanda levou uma sacola de Cannabis que comprou para uma delegacia de polícia para reclamar que “não era de boa qualidade”. Ele foi imediatamente preso.
um oficial de plantão para dizer que não estava feliz com sua compra e queria registrar uma queixa.
O juiz John Hughes disse que o comportamento de Liwembe era “ilógico para dizer o mínimo” e era indicativo de uma “psicose” induzida pela cannabis.
Ele adiou o caso para um relatório de provação.
Liwembe, uma ex-enfermeira estudantil com endereço em um centro de acolhimento de requerentes de asilo, declarou-se culpada de posse ilegal de maconha e outras acusações.
Kilmainham em julho do ano passado, onde ele produziu uma sacola de maconha no valor de K8 mil (10 €) do bolso.
O malauiano de 33 anos foi para a Irlanda em 2012 como estudante de enfermagem, mas seu visto acabou. Ele então solicitou a residência com base em ter uma criança nascida na Irlanda.
FONTE: malawi24
Facebook Comments

3 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *