Filha de Chang compra apartamento de 5,5 milhões de rands na África do Sul

Apartamento fica em Michelangelo Towers, Sandton, Joanesburgo

A filha do ex-ministro moçambicano das Finanças, Manuel Chang, terá adquirido por 5.5 milhões de rands um luxuoso apartamento, em Sandton, Joanesburgo, em 2017, escreve o Centro de Integridade Pública (CIP).

O montante equivale hoje a pouco mais de 400 mil dólares americanos, no entanto o referido apartamento fica no edifício Michelangelo Towers, numa área tida como a mais cara de África.

A alegada aquisição de Manuela Solange de Martins Chang ocorreu numa altura em que o seu pai era já suspeito de ter beneficiado do escândalo financeiro “Dívidas Ocultas”, que colocou Moçambique em crise.

A denúncia do Centro de Integridade Pública de Moçambique (CIP) acontece numa altura em que o ex-ministro e deputado da Frelimo enfrenta a batalha da sua extradição da África do Sul para os Estados Unidos, onde é acusado de ter conspirado em crimes financeiros relacionados com as “Dividas Ocultas”.

Por outro lado, surgem indicações em Moçambique de que os suspeitos no caso terão usado familiares como “testas-de-ferro” para realizar investimentos em várias áreas, incluindo a imobiliária, dentro e fora do país.

Chang assinou as garantias estatais que facilitaram empréstimos na ordem de, pelo menos, dois mil milhões de dólares, sem aprovação do parlamento.

A descoberta forçou os principais parceiros de cooperação de Moçambique, com realce para o Fundo Monetário Internacional, a distanciarem-se do país.

Documentos publicados pelo CIP indicam que o apartamento de 121 metros quadrados adquirido por Manuela Chang, de 33 anos de idade, pertencia a Black Ginger 15 Proprietary Limited.

A escritura do processo foi intermediada pela empresa Van Zyl Hertenberger Inc.

Nessa documentação, o CIP verificou que a filha de Chang apresentou um passaporte moçambicano.

Registos públicos apresentam Manuela Solange Martins Chang como empresária em sectores que incluem comércio, construção civil ou gestão financeira.

Facebook Comments
5 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *